Em quem VOCÊ votará em 2 de outubro?

Últimas Noticias
recent

Homem confessa ter matado pastor após descobrir que ele tinha um caso com sua esposa

Nesta sexta-feira (2), a polícia de Manaus (AM ) prendeu Jackson Araújo de Souza, de 37 anos, conhecido como “Jaca”, que confessou ter assassinado um pastor evangélico, com quem sua esposa teria um relacionamento amoroso.
- Fui o último a saber, mas já desconfiava – afirmou Souza ao G1.
De acordo com a polícia, o crime aconteceu no dia 29 de Março desse ano, uma semana após Souza ter brigado com a esposa. A vítima é o pastor Jeone Mário Araújo, 39 anos, que havida deixado a prisão uma semana antes da ocorrência. Ele estava detido por tráfico de drogas e tentativa de homicídio.
Em seu depoimento, Souza afirmou que vinha sendo ameaçado pelo pastor, e que por isso resolveu agir antes dele. Segundo informações da Polícia Civil, Ele cometeu o crime com a ajuda de seu sobrinho Franksuel de Souza Oliveira, o “Chico Doido”, 18 anos.
- Ele vinha me ameaçando de morte desde uma semana antes do crime, então me mexi antes dele. Ele foi mexer com a minha mulher e deu nisso. Estou arrependido – relatou Jackson.
O delegado Paulo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), confirmou as ameaças.
- O suspeito havia sido ameaçado sim. Assim que a vítima saiu da cadeia e repetiu as ameaças, o Jackson decidiu se vingar – afirmou o delegado.
- O Jackson segurou a vítima e o sobrinho dele, o ‘Chico Doido’, desferiu os golpes. Embora seja novo, apenas 18 anos, o ‘Chico Doido’ é considerado de alta periculosidade, pois já tem dois homicídios nas costas – completou a delegada-adjunta da DEHS, Georgia Cavalcante, responsável por acompanhar o caso.
Jackson Araújo de Souza foi indiciado por homicídio qualificado e, em seguida, encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa.

Por Dan Martins, para o Gospel+
lagoarealnews

lagoarealnews

Nenhum comentário:

Lagoa Real News. Tecnologia do Blogger.