Em quem VOCÊ votará em 2 de outubro?

Últimas Noticias
recent

Com câncer, rapaz evangélico realiza sonho e se casa três dias antes de morrer

O casamento do casal evangélico Michele Alves de Oliveira e João Marcos da Silva emocionou milhares de pessoas. Considerado um marco na história de amor do casal, o casamento aconteceu dentro de um hospital de Botucatu (SP), onde João estava internado, vítima de câncer em múltiplos órgãos. Três dias após o casamento, o jovem não resistiu ao avanço da doença e morreu. 
A união foi o último desejo do noivo, que estava hospitalizado há três semanas quando ficou sabendo pelos médicos que teria só mais alguns dias de vida. Ele resolveu, então, realizar o sonho de se casar com Michele, com quem namorava havia cinco anos.
Segundo informações do G1, João Marcos foi diagnosticado com um câncer no abdômen há quatro anos, e desde então vem lutando contra a doença. O pedido de casamento veio após sua primeira cirurgia para tentar conter o tumor. Porém, a evolução da doença adiou o sonho do casal até o dia 30 de junho, quando se casaram dentro do hospital onde João estava internado.
- A equipe médica alertou que ele não teria muito tempo de vida, mas, quando conversamos, ele me disse que só tinha um sonho para realizar antes de morrer, que era se casar comigo – conta Michele.
A organização da cerimônia contou com a ajuda da equipe do hospital, como lembra a técnica em enfermagem Kelly Cristina da Silva, de 23 anos. Segundo ela, os funcionários fizeram uma “vaquinha”, organizaram a festa que ficou pronta em dois dias, com direito a bolo e salgadinhos, além da presença de um pastor.
- Ela saiu triste da sala perguntando se seria possível casar dentro do hospital. Sabíamos que não era fácil, nem comum, mas agimos com o coração – afirmou Kelly, que lembrou também de como o cuidado e amor que a jovem tinha com o noivo surpreendeu os profissionais do hospital.
- Ela não saía de lá por nada, ficava até mais que a mãe – relatou a enfermeira, que diz não estar acostumada a ver provas de amor como esta.
Michele conta que ficou surpresa com o pedido do noivo, mas afirma que nunca cogitou a ideia de desistir de realizar esse sonho.
- No começo fiquei com receio, porque não era o lugar apropriado onde eu gostaria de realizar este sonho, eu tinha planejado de outra maneira, na igreja. Mas na hora vi que era um sonho nosso que precisava ser realizado e que eu precisava disso para poder ficar em paz comigo mesma e concluir tudo o que fiz por ele e que passamos juntos. E também receber a bênção de Deus – afirma a noiva, que afirmou ter ficado emocionada com a presença de tantas pessoas e afirma ter ficado muito feliz com a cerimônia.
- Eu não esperava que seria tudo aquilo, imaginava que ia abrir a porta e ver ele em uma maca, com apenas 10 pessoas que as enfermeiras falaram que estavam autorizadas a entrar. Na hora fui surpreendida porque ele estava no altar de terno, gravata, me esperando com a maioria da nossa família ali. Pai, mãe, tio, amigos, pastor. Foi muito bonito, fiquei muito emocionada. E ele estava lindo – recorda.
Mesmo com a tristeza de ter perdido o noivo apenas 3 dias após o casamento, Michele lembra com serenidade dos momentos que viveu ao lado dele, e revela que teve que fazer uma promessa ao noivo após aceitar o pedido de casamento.
- Ele disse que estava em paz com seu coração, e falou que eu tinha que prometer a ele que eu me casaria, teria filhos e seria feliz. Aí me agradeceu por tudo o que passei ao lado dele – contou Michele.
- Foi difícil vivenciar isso, mas vejo tudo que aconteceu ali dentro do hospital como uma forma de despedida dele e que todo o sofrimento que passamos naquela semana, eu, o pai, a mãe dele, depois dessa cerimônia é como se tivessem arrancado do peito toda a dor, angústia. Foi como um conforto – concluiu.
Fonte: http://noticias.gospelmais.com.br/
lagoarealnews

lagoarealnews

Nenhum comentário:

Lagoa Real News. Tecnologia do Blogger.